Conselheiros


  • Claudio Spadotto

    Engenheiro Agrônomo formado pela Faculdade de Ciências Agronômicas - FCA, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP (1984), com mestrado em Agronomia pela mesma Universidade (1990). Tem doutorado (Ph.D.) em Soil and Water Science pela University of Florida (1999), também com diploma de doutor em Geociências e Meio Ambiente pela UNESP (2007). Pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA desde 1990 e docente de pós-graduação credenciado junto à FCA/UNESP. Foi consultor do Ministério da Agricultura brasileiro na Argentina, dentro do PROCISUR do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura - IICA, em 1991, secretário executivo do Programa Qualidade Ambiental do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária - SNPA, entre 1993 e 1995, e pesquisador visitante no Institute of Food and Agricultural Science - IFAS, University of Florida, em 1996. Tem experiência na área de agricultura e meio ambiente, atuando principalmente na avaliação de riscos ambientais e assuntos correlatos. Recebeu da Associação de Engenheiros Agrônomos do Estado de São Paulo - AEASP a Medalha Fernando Costa, como destaque na pesquisa em 2007. Foi Chefe Geral da Embrapa Meio Ambiente de 2006 a 2009 e supervisor da área de Gestão Territorial Estratégica e Chefe de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação na Embrapa Monitoramento por Satélite, entre 2009 e 2010. Atualmente é Gerente Geral da  Embrapa Gestão Territorial.

      


    Email: claudio.spadotto@agriculturasustentavel.org.br

    Website: http://lattes.cnpq.br/

13 Artigos publicados
  • 29 Fev2016

    Mapeamento das ameaças fitossanitárias é um avanço na defesa vegetal

    Pelo menos 35 novas pragas foram detectadas nas nossas lavouras nos últimos 10 anos e recentemente três novas pragas agrícolas foram detectadas no País. Uma dela é a Helicoverpa punctigera, tão agressiva quanto a H. armigera. Identificada no Ceará em 2015, a H. punctigera pode levar a perdas enormes nas culturas de algodão, milho e soja. Outra é a mosca-da-haste da soja (Melanagromyza sp.), identificada no Rio Grande do Sul em julho do ano passado. É uma praga importante na Austráli...

    Leia mais


  • 21 Jan2016

    A bruxa ainda está solta

    Um fazendeiro, considerado rico, procurou um amigo para falar-lhe de um assunto delicado. “Estou precisando de dinheiro e confio na nossa velha amizade, na certeza de que você vai me ajudar”, disse o fazendeiro. O amigo se prontificou a emprestar uma certa quantia, imaginando tratar-se de R$ 10 mil ou R$ 20 mil. “De quanto você precisa?”, indagou, ao que o fazendeiro respondeu, cabeça baixa: “De uns R$ 200. É pra fazer a feira semanal lá em casa.” Ess...

    Leia mais


  • 13 Jan2016

    Algumas previsões para 2016 e adiante

    Tudo indica que 2016 será um ano difícil, até mesmo para o agronegócio brasileiro, que tem contribuído sobremaneira, ano após ano, para que a situação do nosso país não seja pior. Arriscando fazer algumas previsões, digo que seguiremos no caminho da autossuficiência na produção do trigo e as nossas vacas produzirão mais leite. Tecnologias para isso não faltam. Trabalhos da Embrapa demonstram o significativo potencial do Brasil como produtor de trigo, o que seria suficiente...

    Leia mais


  • 20 Jul2015

    O risco das pragas que vêm de fora

    As pragas (insetos, fungos, bactérias, plantas invasoras etc.) das lavouras costumam tirar o sono dos agricultores e seu controle custa caro. Entre perder grande parte da sua produção ou lançar mão de métodos de controle, a escolha já está feita. No Brasil, o mercado de defensivos agrícolas – o método mais utilizado - movimentou 13 bilhões de dólares em 2014. Se não bastassem as pragas que já temos, existe o risco das que vêm de fora. A disseminação de pragas pelo mund...

    Leia mais


  • 01 Abr2014

    Trigo: a autossuficiência necessária e possível

     A balança comercial do agronegócio brasileiro em 2013 foi positiva em US$ 82,9 bilhões. Se por um lado exportamos soja, milho, arroz, entre outros produtos agropecuários, por outro, historicamenteimportamos trigo. E não é pouco: por volta de seis milhões de toneladas a cada ano, o que representou US$ 2,1 bilhões com a compra de trigo no exterior em 2012. Isso ocorre porque a nossa produção de trigo tem girado em torno de 40-50% das aproximadamente 10 milhões de toneladas que consu...

    Leia mais


  • 06 Dez2013

    Agora Inês é morta - a sustentabilidade da agricultura brasileira ameaçada

    Há um ano no Fórum da Abag, em Piracicaba (SP), diante de uma seleta plateia, tive a oportunidade de chamar a atenção para as implicações da concentração geográfica da produção agropecuária, citando, entre elas, a ocorrência de pragas e doenças. Um exemplo destacado foi a enorme concentração da cultura do algodão no oeste baiano, região de Barreiras, onde são produzidos em torno de 25% do algodão nacional. O mesmo tipo de alerta, citando outros produtos agropecuários, foi...

    Leia mais


  • 08 Abr2013

    TERRA DE MUITOS, TERRA DE NINGUÉM

      O território brasileiro é de cerca de 8,5 milhões km2 (ou 850 milhões ha). Apenas Canadá e Estados Unidos (9,1 milhões km2 cada), China (9,3 milhões km2) e Rússia (16,4 milhões km2) têm territórios maiores que o Brasil. Estimativas já apontavam que 36% do território brasileiro, ou 3,1 milhões de km2, não têm ocupação definida, ou seja, não constam como imóveis rurais, nem unidades de conservação ambiental, nem terras indígenas, nem áreas remanescentes de quilombo...

    Leia mais


  • 04 Fev2013

    Todos os ovos numa cesta só

      Diz a sabedoria popular que não se deve colocar todos os ovos numa cesta só, devido ao risco de todos se quebrarem. Mas para o conselheiro do CCAS Cláudio Spadotto, esse parece não ser o pensamento por alguns produtores da nossa agropecuária. Neste artigo, Spadotto questiona a concentração de algumas produções no país em determinadas regiões geográficas e os riscos que ela pode trazer à economia. Confira o texto completo acessando o link a seguir: http://www.agriculturasust...

    Leia mais


  • 06 Nov2012

    Gestão territorial estratégica para agricultura sustentável

      O conselheiro Cláudio Spadotto escreveu esse artigo que, além de comparar os desafios da Eco 92 (Conferência Mundial para o Meio Ambiente e Desenvolvimento) aos desafios da Rio + 20, aborda também a questão da gestão territorial no Brasil levando em conta seus aspectos geográficos, econômicos e sociais. Releia este artigo através do link: http://www.agriculturasustentavel.org.br/artigos/gestao-territorial-estrategica-para-agricultura-sustentavel

    Leia mais


  • 29 Ago2012

    Onde atuar para aumentar a produtividade agrícola?

    Sabemos da demanda por aumento da produção agrícola, sem incorporar novas áreas. Portanto, é necessário elevar a produtividade. Mas, onde atuar prioritariamente? Numa primeira aproximação, se considerarmos a produção total agregada de grãos, temos que as maiores produtividades ocorrem em 8 microrregiões, sendo 3 no Mato Grosso e 1 em cada um dos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Bahia, Paraná e Rio Grande do Sul. Cada microrregião tem cerca de 10 municípios. Por outro l...

    Leia mais


  • 01 Ago2012

    Todos os ovos numa cesta só

    Diz a sabedoria popular que não se deve colocar todos os ovos numa cesta só, devido ao risco de todos se quebrarem. Isso parece não ser lembrado para alguns produtos da nossa agropecuária. Como exemplo, temos o próprio ovo de galinha, que tem mais de 70% da sua produção nas regiões sudeste e sul. Um quarto da produção ocorre em cerca de 80 dos 5.565 municípios brasileiros. Essa concentração geográfica é também observada em outros produtos da nossa agricultura, como o arroz, c...

    Leia mais


  • 19 Jun2012

    GESTÃO TERRITORIAL ESTRATÉGICA PARA AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

    Logo após a Eco 92, Conferência Mundial para o Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Embrapa, no contexto do replanejamento do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária – SNPA, iniciou a mobilização que culminou, de maneira pioneira no Brasil, na criação em 1993 do Programa “Qualidade Ambiental”, de abrangência nacional e voltado a incentivar, reunir e agregar os projetos de pesquisa e desenvolvimento na interface agricultura e meio ambiente. Como resultado sinérgico, n...

    Leia mais


  • 03 Mai2012

    Boas Práticas Agronômicas e Ambientais e os Profissionais na Agricultura

    Desenvolvimento responsável e na medida certa para o meio ambiente e para a sociedade são os grandes temas da atualidade. Nesse cenário, a atuação dos profissionais na agricultura torna-se prioritariamente voltada para a interface entre as demandas das atividades produtivas, sejam elas agrícolas, pecuárias, florestais ou  agroindustriais,  e as necessidades de conservação dos recursos naturais mobilizados para a produção e as exigências de preservação dos ecossistemas e da qual...

    Leia mais


Atualizações

Referências

www.agricultura.gov.br

Ministério da Agricultura - Portal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

www.embrapa.gov.br

Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Política de Privacidade | Termos de Uso

2017 © agriculturasustentavel.org.br Imagenet Tecnologia