Conselheiros


  • Coriolano Xavier

    Coriolano Xavier é Professor e Coordenador adjunto do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM -- Escola Superior de Propaganda e Marketing, Diretor Geral da MCA – Marketing e Comunicação, e Membro do Conselho Consultivo da ABMRA -- Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio. Jornalista, publicitário, executivo de marketing, professor e consultor, publicou “Marketing e Agronegócio: a nova gestão” (Pearson, 2009) e “Marketing & Agribusiness” (Atlas, 4.a edição), livros em co-autoria com José Luiz Tejon. Graduado em Filosofia pela USP – Universidade de São Paulo. Especialização em Marketing pela FGV – Fundação Getúlio Vargas e pela Pace University (NY). Pos-graduação em Marketing pela ESPM – Escola Superior de Propaganda e Marketing. Foi professor de MBA da FGV -- Fundação Getúlio Vargas/Rio, Diretor da ABA -- Associação Brasileira de Anunciantes e Conselheiro do Conar – Conselho de Auto-Regulamentação Publicitária.


    Email: coriolano.xavier@agriculturasustentavel.org.br

45 Artigos publicados
  • 17 Mar2017

    Logística: será que falta indignação?

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.    Deu recentemente na televisão: uma fila enorme de caminhões carregados de soja e parados na rodovia Cuiabá-Santarém devido às condições precárias de tráfego, agravadas pela severidade das chuvas. O caminhão não passa, mas o tempo passa e chega um ponto em que motoristas derrama...

    Leia mais


  • 17 Jan2017

    Travessia Sustentável

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.   O Relatório Anual do FMI (Fundo Monetário Internacional), sobre a situação econômica de seus países-membros, saiu em novembro do ano passado e projeta para o Brasil uma tímida expansão do PIB (Produto Interno Bruto) nos próximos anos: 0,5% para 2017, 1,5% em 2018 e 2% em 2019. Não chega a ser novidade, pois o governo...

    Leia mais


  • 20 Dez2016

    Comida boa na mesa e liderança silenciosa

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.    Em meio a toda essa crise brasileira, o agronegócio tem ido bem. Ano que vem, pode colher uma safra de grãos superior a 210 milhões de toneladas – voltando ao patamar recorde do país – e vem de uma história de crescimento médio de 4,8% e 2,7% ao ano na produção de grãos e na produtividade, respectivamente,...

    Leia mais


  • 07 Dez2016

    Começo de safra desafiador

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.   A contratação de crédito rural para a próxima safra registrou um declínio de 18% de julho a outubro deste ano, comparativamente ao mesmo período do ano passado. Recuou de R$ 40,7 milhões para R$ 33,3 milhões, segundo Relatório do Banco Central divulgado no começo de novembro, sobre a contratação de crédito rural, d...

    Leia mais


  • 28 Nov2016

    Ponte com o futuro

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.    O agronegócio brasileiro é carta importante no jogo geopolítico mundial. De acordo com a FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura), o Brasil deverá ser o principal exportador mundial de alimentos da próxima década, peça chave para abastecer 80 milhões de pessoas que nascem na Terra a ca...

    Leia mais


  • 28 Set2016

    Cidades: questão ambiental e voto

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.    O desperdício de alimentos parece uma endemia da modernidade. Os Estados Unidos, por exemplo, estavam jogando no lixo ou largando pelo caminho cerca de 40% dos alimentos, considerando-se o ciclo da fazenda ao garfo.¹ No Brasil, fala-se em desperdício alimentar de 20 a 30%. O desperdício em si já é uma questão moral, poi...

    Leia mais


  • 11 Jul2016

    Agora vamos para o século XXI

    Por Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico para Agricultura Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.    De no que der a questão do “impeachment”, toda a fervura política para organização de uma nova governança brasileira já provocou um resultado positivo: a discussão da estratégia comercial brasileira no exterior, que nos últimos 10 a 15 anos priorizou as “relações Sul-Sul”, dando p...

    Leia mais


  • 01 Abr2016

    Coisas do Brasil

    Estava outro dia assistindo TV e vi uma notícia sobre a presença de residual químico em alguns alimentos. Um assunto recorrente, já visto outras tantas vezes e sem disso evoluir uma solução consistente. Daí comecei a reescrever mentalmente essa história pelo avesso, como se tudo tivesse ocorrido de modo perfeito. Vamos imaginar: um agricultor observa em sua lavoura a presença de insetos predadores, como as vorazes lagartas, ou então alguma doença nas plantas. Fala então com um ag...

    Leia mais


  • 10 Fev2016

    Sem ciência, sem futuro

    No Canadá, o chefe de governo eleito no final de 2015 (J. Trudeau) está oxigenando a administração pública. A começar por um critério macro, promessa de campanha já cumprida após a posse, que previa mulheres ocupando 15 dos 30 ministérios. Perguntado sobre o porquê de um gabinete igualitário entre gêneros, respondeu: “Porque é 2015”. Século XXI. No gabinete canadense, a gestão ambiental posicionou-se com um novo conceito perante a sociedade: mudou de Ministério d...

    Leia mais


  • 15 Dez2015

    Pé no chão, sim. Medo não.

    A exportação de uma tonelada de grãos gira em torno de US$ 430, atualmente, enquanto o embarque do mesmo volume de carne representa mais de US$ 1,7 mil. Olhando para o futuro, essa relação de retorno já demonstra bem em que direção o agronegócio brasileiro deve investir e priorizar focos. Isso não é uma projeção abstrata. Segundo a FAO/OCDE, por exemplo, até 2022 o consumo mundial de carnes terá um crescimento firme, sendo 13% para a carne suína, 14% para a bovina e 19% para...

    Leia mais


  • 30 Nov2015

    É disso que o Brasil precisa

    Estava embaralhando as ideias em busca de sentimentos e padrões de comportamento que ajudem os brasileiros a lidar melhor com o delicado momento que o país vive na economia e na política. Dei então de cara com o cooperativismo, que responde por cerca de 48% do valor de produção do nosso agronegócio.  Gente de trabalho, que vem protagonizando uma história bonita no campo. Por conta de seus valores tradicionais, nascidos em torno do conceito de união, o cooperativismo é uma ideia c...

    Leia mais


  • 17 Nov2015

    Primavera do clima

    No palco da ONU, há dois meses, em setembro, o Brasil comunicou ao mundo as suas metas de redução das emissões de gases de efeito estufa, nossa contribuição no combate às mudanças climáticas: corte de 43% das emissões até 2030, relativamente aos níveis registrados em 2005.  Este foi o principal item do compromisso brasileiro, que ainda incluiu outros desafios como a recuperação de 15 milhões de ha de pastagens degradadas, restauração florestal de 12 milhões de ha e integra...

    Leia mais


  • 09 Nov2015

    Prosa e bicicleta

    Até agora o agronegócio está sendo poupado dos efeitos mais perversos da crise. Puro mérito do próprio agronegócio, cujo dinamismo e força de ação interna e externa fazem do setor um protagonista estratégico do país, espécie de fiador da nossa economia, neste momento.  Mas como é que o produtor rural está enxergando essa presença próxima da crise? Fomos então prosear por aí com o homem do campo, para ver um pouco as suas visões. O dólar está ajudando a compensar...

    Leia mais


  • 22 Out2015

    Vigilância e amadurecimento

    Em dez anos, a taxa de desmatamento na Amazônia Legal foi reduzida em 82%, caindo de 22.772 km² de floresta em 2004, para 5.012 km² em 2014.  Esse número representa uma diminuição de 15% em relação ao desmate realizado em 2013 e, também, coloca o Brasil mais perto da meta da Política Nacional de Mudança do Clima para 2020, que é atingir o índice de 3.915 km2 desmatados em um ano. Ou seja, uma queda de 22% sobre o índice de 2014 seria suficiente para atingir essa meta e, a julga...

    Leia mais


  • 31 Ago2015

    O ajuste pode virar suco. Esqueça Brasília

    O relaxamento de meta fiscal colocado pelo governo na mesa, na segunda quinzena de julho, jogou um banho de água fria nas expectativas de uma melhoria mais rápida de nossa economia. Agora, o ajuste fiscal pode até virar suco e cair como um tempero picante nos ingredientes que já estão no caldeirão da crise. Aumento de desemprego, queda da renda das famílias e da massa salarial, câmbio elevado, inflação ascendente, custos mais altos, déficit de infraestrutura e perda de competitivi...

    Leia mais


  • 07 Jul2015

    O balcão e a geopolítica

    Primeiro semestre de 2015 se foi, baixou a poeira da visita do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, ao nosso país e ficou a proposta de uma crescente parceria de negócios Brasil-China, com reflexos imediatos e de longo prazo. Uma dádiva, pelo montante de investimentos, pelo momento em que acontece e por ter o potencial de ser uma inflexão positiva na atitude tradicionalmente mais tímida do Brasil, em desenhar grandes acordos no comércio internacional. Um acordo que, além dos ganhos...

    Leia mais


  • 16 Mar2015

    Para estrategistas e gestores de olho no futuro

    Vivemos uma época de acentuada volatilidade nos mercados e tecnologias do agronegócio.  Tudo que é sólido desmancha no ar e isso nos leva à questão da resiliência, um conceito que está na ordem do dia entre estrategistas e gestores de negócios. Sem resiliência não há salvação, diriam os mais afoitos, diante inquietude do nosso tempo.  Primeiro, vamos ensaiar uma definição de resiliência, para falarmos todos de uma mesma coisa: é a capacidade própria de um sistema para...

    Leia mais


  • 23 Fev2015

    Armadilhas do clima

    Tivemos no ano passado muitas discussões exacerbadas sobre o destempero do clima. Água de menos aqui, água de mais ali, impactos sobre a produção ou logística do campo, e barbas de molho com o abastecimento urbano de água ameaçado. No calor da seca e dos debates, voltou à tona a questão recorrente do papel da floresta amazônica no clima brasileiro: segundo pesquisas, além de contribuir para as chuvas torrenciais de nuvens baixas, a região também exporta umidade para todo o cont...

    Leia mais


  • 13 Jan2015

    Sorte para o azar

    O Brasil tem um sistema de vigilância sanitária composto por 110 pontos de controle, com mais da metade deles localizados no Sul/Sudeste. Uma distribuição que lembra mais nossa geografia agrícola das décadas 1970/1990 do que o mapa produtivo atual, cujo motor principal está no Centro-Oeste, com 60% da produção nacional de grãos. Esse quadro foi objeto de estudo da Embrapa Gestão Territorial¹, no qual, a partir de dados da ANDEF, Embrapa e MAPA², informa-se a existência de mais...

    Leia mais


  • 09 Jan2015

    Sina ou falta de atitude?

    Um dos fundamentos da sustentabilidade é o uso ponderado e conservacionista de recursos. Mas na produção, distribuição e consumo mundial de alimentos, o que vemos é uma realidade marcada pelas perdas e desperdícios. Ao longo da cadeia produtiva, os números sobre perdas de produto são eloquentes e distribuem de forma desigual: produção 24%; manuseio e armazenagem 24%; processamento e embalagem 5%; distribuição e mercado 12%; e consumo 35%. Como se vê, um desafio que demanda gest...

    Leia mais


  • 28 Nov2014

    Maturidade e musculatura

    Conversando recentemente com o presidente do Grupo Agroceres, Fernando Pereira, tive uma aula sobre os desafios da suinocultura brasileira. O grupo atua com genética e nutrição animal, e ele falou sobre os focos estratégicos que vão marcar o setor, na perspectiva de uma década. Opiniões de respeito, chanceladas por mais de 30 anos de vivência bem sucedida em gestão de pesquisa, tecnologia e negócios na cadeia da carne suína – e que tento reproduzir e resumir, a seguir. O sui...

    Leia mais


  • 29 Set2014

    O planeta cabe na urna

    Na sociedade da hiperinformação – multiconectada e agindo cada vez mais por valores – o produtor rural parece ter conquistado, definitivamente, um espaço de valor na percepção do público urbano, por desempenhar uma função essencial na sociedade. Mais ainda: ele próprio, o produtor, aumentou seu nível de confiança e hoje se vê como um provedor de alimentos. Está na pesquisa Farm Perspectiv Study*, que ouviu 1.300 pessoas no Brasil e cujos resultados foram divulgados e...

    Leia mais


  • 27 Ago2014

    Onde estaremos em 2025?

    Onde estaremos em 2025? Deparei-me outro ia com essa pergunta, na verdade o tema de um Seminário Internacional de Suinocultura que acontece agora em agosto. Gente boa do Brasil e do exterior vai estar lá para responder a essa indagação, é claro. Mas o fato é que todos nós deveríamos fazer sempre essa pergunta a nós mesmos, olhando para um futuro mais distante. O agronegócio, por exemplo, vive um momento de rica inquietação em tecnologia, perfil de consumo alimentar, demografia do...

    Leia mais


  • 02 Jul2014

    Vou votar no agronegócio

    O Brasil é o 4º maior produtor agrícola do mundo.  Também o 2º maior exportador de alimentos do planeta e desde os idos de 1980/1990 o campo brasileiro caminha em rota ascendente na produção de grãos e proteína animal. Fez isso principalmente com saltos de eficiência, incorporando tecnologia, modernizando seu parque de máquinas e equipamentos e gerando agrociência tropical altamente competitiva. Construiu assim uma das pontes mais sólidas que levarão o Brasil para o futuro. O...

    Leia mais


  • 16 Mai2014

    Robô e avalanche tecnológica

    Talvez a gente veja, em breve, robôs trabalhando em nossas fazendas, como profetizou a saga Guerra nas Estrelas, em 1970. Mas falar em robotização rural ainda é uma espécie de licença poética, embora os padrões de eficiência operacional no campo estejam avançando rápido, além de fronteiras e parte disso tem a ver com automação e uso de tecnologia da informação.  Na suinocultura norte-americana, por exemplo, em granjas de bom nível tecnológico, um funcionário cuida do mane...

    Leia mais


  • 09 Jan2014

    COM A PALAVRA, O AGRONEGÓCIO

    Com exceção do Amapá, todos os governos estaduais aumentaram suas receitas nos últimos quatro anos*. Apenas um deles obteve crescimento abaixo de 10% (Espírito Santo) e cinco registraram avanços de 10 a 20%: Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Bahia e Minas Gerais.  O restante ultrapassou o patamar de 20%, isso em termos reais, já compensados os efeitos da inflação.   Entre esses cinco Estados, apenas São Paulo e Bahia mostraram uma evolução positiva nos investimentos públi...

    Leia mais


  • 26 Nov2013

    COMO O MARKETING E A COMUNICAÇÃO PODEM AJUDAR NA EDUCAÇÃO DO PRODUTOR?

    O marketing e a comunicação rural podem contribuir muito para o desenvolvimento e a capacitação do produtor rural e já tem sido assim há décadas. Na agricultura moderna o insumo tornou-se informação, conhecimento puro, e seu marketing está sempre ensinando e assumindo um forte papel educativo.  Veja-se o caso da genética vegetal dos OGMs (Organismos Geneticamente Modificados) e também a evolutiva genética do suíno e do frango. Veja-se a nutrição animal de alta performance, o...

    Leia mais


  • 07 Out2013

    A FLORESTA, A SORTE E O AZAR

    Atualmente, o dia-a-dia da produção rural é tão envolvente, e os seus desafios operacionais são tantos, que muitas vezes ficamos envolvidos no cuidado das árvores e esquecemos de olhar a floresta. Hoje, por exemplo, a helicoverpa armigera tira o sono e a margem do produtor de algodão, o custo da ração transforma o suinocultor em um equilibrista, a logística congestiona o coração e o contas a pagar do sojicultor e até o plantador de tomates esquece o mundo para ganhar a batalha con...

    Leia mais


  • 06 Set2013

    FORA DA CAIXA

    Muito se diz que a busca e construção da sustentabilidade está associada a conceitos novos, que sempre nascem de ações e atitudes inovadoras. Isso não é 100% verdade, mas tem uma grande dose de razão. Como no caso das vending machines (máquinas automáticas de venda) de hortifrutis instaladas na cidade de Tours, na França.   É um sistema de venda automática, que funciona paralelo às próprias instalações da produção agrícola, realizada em estufas. Lado a lado convive a p...

    Leia mais


  • 30 Jun2013

    PASSEATAS E AGRONEGÓCIO

    Juventude foi uma das marcas da onda de manifestações que tomou conta do país e, até o momento em que escrevo esta coluna, já havia deixado sua voz em perto de 200 cidades do Brasil, em várias delas repetidas vezes. Gente jovem da classe média principalmente – e aí se fez presente a hegemônica da classe C e, também, estratos das classes B e A. Jovens que daqui a 10 ou 15 anos vão estar no comando das operações, ditando modas, rumos e tendências. Gente que fez um pouco de...

    Leia mais


  • 01 Abr2013

    Segurança nutricional: a lição completa

      Quando o assunto é segurança alimentar, o Brasil vem fazendo a lição de casa. O país reduziu o índice de menores de 5 anos com baixo peso para 1,8% (Estudo Saúde Brasil 2009, do Ministério da Saúde) e já atingiu um dos objetivos do milênio, definidos pela ONU -- Organização das Nações Unidas: erradicar a extrema pobreza e a fome. Mas para o conselheiro do CCAS Coriolano Xavier, parece que ainda falta um engajamento emocional firme com a bandeira da segurança nutricional, t...

    Leia mais


  • 07 Fev2013

    Quando o Carnaval chegar

      Especialista no assunto, Coriolano Xavier produziu artigo sobre marketing rural e a necessidade de se olhar com atenção para o trabalho nessa área, principalmente no que diz respeito às estratégias sociais de marcas corporativas. Como exemplo de ação original e impactante, Xavier cita a iniciativa da Basf, que anunciou o patrocínio da Escola de Samba Unidos da Vila Isabel, para o carnaval de 2013. O próximo enredo da escola abordará o tema: “A Vila canta o Brasil celeiro...

    Leia mais


  • 25 Jan2013

    COISAS DO SÉCULO XXI

      Os norte-americanos são bastante afeitos a conceituar e rotular as transformações que ocorrem na sociedade. Como agora, quando começam a se referir mais e mais ao chamado “food movement” (movimento da comida), que vem aumentando e traduz o crescente interesse das pessoas em saber de onde a comida vem e como foi produzida. Pelo mundo afora, o setor alimentar começa a ficar sob vários focos de pressão: propostas de novas regulamentações para refrigerantes; movimentos...

    Leia mais


  • 11 Jan2013

    COORDENAÇÃO, LIDERANÇA E AMBIÇÃO

      Nos anos 70, uma família operária ou de classe média gastava cerca de 200 minutos para preparar uma refeição trivial. Hoje, nas camadas sociais médias das mega cidades, com a mulher inserida no mercado de trabalho, são gastos cerca de 15 minutos. O que significa isso?  Quer dizer que a conveniência dominou o consumo alimentar, aumentando a presença de comida industrializada, semi-preparada, com porções reduzidas e embalagens facilitadoras. Significa, também, que os apelos s...

    Leia mais


  • 19 Dez2012

    COISAS DO SÉCULO XXI

      Os norte-americanos são bastante afeitos a conceituar e rotular as transformações que ocorrem na sociedade. Como agora, quando começam a se referir mais e mais ao chamado “food movement” (movimento da comida), que vem aumentando e traduz o crescente interesse das pessoas em saber de onde a comida vem e como foi produzida. Pelo mundo afora, o setor alimentar começa a ficar sob vários focos de pressão: propostas de novas regulamentações para refrigerantes; movimentos...

    Leia mais


  • 12 Nov2012

    Sonho, urgência e economia verde

      Vivemos uma utopia. A ideia de que as utopias acabaram é falsa. Quem está imerso nessa fantasia não percebe, mas vivemos a utopia da técnica e do consumo inesgotáveis – e entre esses dois eixos já se vão 200 a 300 anos de história do mundo ocidental. Nos últimos três séculos, o homem, a ciência e a tecnologia produziram prodígios. Foram tantos, que se acreditou ser esta uma tríade de “deuses” – e que os recursos planetários não teriam limite, jama...

    Leia mais


  • 01 Out2012

    Sacolinha, voto e atitude

    A sacolinha plástica dos supermercados voltou. Não dá pra dizer que isso é ruim em si, pois o artefato tem um papel de conveniência que foi consagrado por anos de uso no varejo e, assim, adquiriu um lugar próprio em nossa cultura de consumo. Mas talvez seja válido perguntar: das razões de cenário ambiental que levaram ao debate e proposta de suspensão da sacolinha no varejo de auto-serviço, meses atrás, o que mudou agora para se passar uma borracha em tudo? Está certo que a qu...

    Leia mais


  • 24 Ago2012

    Segurança nutricional: a lição completa

    Segundo a OMS – Organização Mundial da Saúde, anualmente mais de 200 milhões de crianças menores de 5 anos não atingem seu pleno potencial cognitivo e social, enfrentando níveis de desnutrição (grave ou crônica) suficiente para retardar o crescimento e interferir no estímulo ao aprendizado. Para uma sociedade, quando os efeitos da desnutrição infantil se manifestam (bem mais tarde), isso tende a representar baixa produtividade do capital humano, com menor capacidade de rea...

    Leia mais


  • 23 Jul2012

    Quando o carnaval chegar

    Em julho, o carnaval foi notícia nas lidas do marketing rural. O setor de proteção de cultivos da Basf anunciou o patrocínio da Escola de Samba Unidos da Vila Isabel, para o carnaval de 2013. Com o tema “A Vila canta o Brasil celeiro do mundo – água no feijão que chegou mais um”, a Escola mostrará no desfile a importância da agricultura brasileira, dando ênfase ao seu potencial para responder à crescente demanda mundial por alimentos e energia. Agricultura no espe...

    Leia mais


  • 18 Jun2012

    A 150 km POR HORA

    Aparentemente, as duas grandes discussões da Rio+20 tendem a ser: mudança climática e economia verde. Isso faz repensar o modo de se fazer (bem) as coisas, colocando as pessoas e o planeta em foco, o que, talvez, signifique rever a ideologia e a arquitetura do crescimento, principalmente nos aspectos em que o PIB é alimentado pelo desperdício. Na época da ECO 92, por exemplo, a frota mundial de veículos era de 613 milhões e hoje ultrapassa 1 bilhão. No Brasil, era de 13 milhões e q...

    Leia mais


  • 10 Mar2012

    SACOLINHA: SER OU NÃO SER

    Outro dia fui comprar chocolate no supermercado, como faço habitualmente. Daí veio a surpresa na velha rotina: “não temos sacolinha”, disse a jovem do checkout, escudada na lei que alvejou as sacolas plásticas descartáveis  nesse comércio. O que se seguiu foi um desajeitado manejo das guloseimas durante o trânsito e outros afazeres, até chegarem ao destino – em estado de razoável viscosidade. Apesar do desconforto, e mesmo sendo defensor do arbítrio do consumidor...

    Leia mais


  • 10 Fev2012

    QUEM VIVER VERÁ

      A epopéia do Código Florestal (PL 1876/99) parece estar chegando ao fim, depois de incendiar debates em plenários, no campo e na mídia. Neste momento, vivemos a expectativa da sua votação final. Depois de muita polêmica, o texto revisado pelos senadores (dezembro de 2011) saiu com várias modificações, entre elas aspectos como: detalhamento sobre a recuperação das margens dos rios, agora com faixas fixadas de 30 a 100 m para rios com mais de 10m de largura; fixação de APPs em...

    Leia mais


  • 23 Set2011

    SERÁ QUE A SUSTENTABILIDADE ESTÁ FALANDO COM O FUTURO?

    A sustentabilidade é um desafio gigantesco, em qualquer perspectiva. É um desafio nosso, atual, mas que já que tem número e endereço no futuro: 9 bilhões de seres humanos aglomerados em grandes centros urbanos, a quem devemos assegurar o direito número 1 da humanidade: o alimento. Será que estamos engajando as novas gerações de um modo sólido e consciente nesse desafio?   Será que estamos usando as melhores vias de comunicação para falar com elas sobre a sustentabilidade, sensi...

    Leia mais


  • 23 Set2011

    CONSCIÊNCIA SUSTENTÁVEL EM CADEIA

    Modernos programas de suinocultura sustentável já fazem captação de gases de efeito estufa em larga escala, minimizando impactos ambientais e ainda gerando receita com a venda de créditos de carbono, mostrando que suinocultura limpa também promove sustentabilidade econômica*. Um desses programas conta com biodigestores instalados em mais de 1.000 granjas suinícolas em regime de Integração (RS, SC, MG e GO) e reduziu a emissão anual de CO2 equivalente em 600 mil toneladas.  Enfim,...

    Leia mais


  • 21 Set2011

    A MADEIRA É NOSSA

    Quando se discute desenvolvimento florestal, sob o enfoque de uma política de longo prazo, alinhada a demandas nacionais projetadas e oportunidades do mercado internacional, normalmente vêm à tona três objetivos estratégicos: - mais do que dobrar a área de florestas plantadas no país em 10 anos, saindo dos atuais 7 milhões de hectares plantados para cerca de 15 milhões; - apoiar a modernização contínua das cadeias produtivas derivadas da madeira – como papel, celulose, bi...

    Leia mais


Atualizações

Referências

www.agricultura.gov.br

Ministério da Agricultura - Portal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

www.embrapa.gov.br

Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Política de Privacidade | Termos de Uso

2017 © agriculturasustentavel.org.br Imagenet Tecnologia